terça-feira, 2 de outubro de 2007

noites



Durante o tempo que me quiseres
Atravessaremos as noites juntos
Serei por toda a madrugada
O guardião de teu sono aventureiro
Quando o vento do mau sonho chegar
Encostarei as janelas e lhe contarei minhas estórias
Então adormeceras ternamente
Quando estiveres dormindo
Serei o rio que lhe sussuras intensas canções
Quando dormires se envolvera em meus braços
E eu adormecerei contigo
Durante a noite e por toda a madrugada
Nossas noites não cabem em um só luar
Dizem que nossa noite tem sons de serenatas
Mas isso não nos importa
Durante a noite nossos sonhos se eternizam......

.

Um comentário:

admiramor disse...

gostei!!

ti amu

beijos